Deferida extradição de cidadão uruguaio acusado de homicídio

Deferida extradição de cidadão uruguaio acusado de homicídio

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu ao Uruguai a extradição do cidadão Gerardo Melo Javier, acusado de homicídio, para fins de condução de processo criminal naquele país. A decisão, proferida na Extradição (EXT) 1319, foi unânime.

Segundo a relatora da extradição, ministra Rosa Weber, não procede a alegação do cidadão uruguaio segundo a qual ele seria na verdade Victor Hugo Diaz Pereira, brasileiro, nascido em Santana do Livramento (RS). Foi feita perícia pela Polícia Federal, e o laudo elaborado pela confrontação das impressões digitais, com base em informações criminais de ambos os países, chegou à conclusão de que se trata da mesma pessoa. O relatório apresentado pelo Ministério Público aponta até similitude entre as fotografias dos documentos.

“Preenchidos os requisitos legais, e estando ausentes os óbices, defiro o pedido”, afirmou a ministra.

FT/CR



Fonte: STF
 

Seção: Notícias
Categoria: STF

Como referenciar este conteúdo

NOTíCIAS,. Deferida extradição de cidadão uruguaio acusado de homicídio. Portal Jurídico Investidura, Florianópolis/SC, 21 Out. 2015. Disponível em: investidura.com.br/noticias/232-stf/333384-deferida-extradicao-de-cidadao-uruguaio-acusado-de-homicidio. Acesso em: 16 Jul. 2019

Receba nossos e-mails e infoprodutos jurídicos

 

 

ENVIE SEU ARTIGO